Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Plano poupança

por Ni, em 13.01.15

Já tinha avisado. Os planos para 2015 só aparecerão a partir de meados do mês, mas há projetos ou, pelo menos, esboços de projetos.

Fizemos contas à vida. E as contas não batem certo. Não para mim. Não para nós. 

Depois de um ano em que gastámos tudo o que pudemos em viagens a hospitais e em visitas que não podíamos deixar de fazer, porque ensombradas pelo terror de serem as últimas, chegámos à conclusão que temos de parar. Temos de fazer uma pausa em portagens e em gasóleo, em almoços à pressa em estações de serviço ou restaurantes de beira da estrada.

Decisão para este ano: ir menos vezes a casa dos pais, dos sogros, da mana, da família grande.

 

Estamos cansados de não estarmos em casa, na nossa casa, Estamos cansados de fazermos mals, desfazermos malas, refazermos malas. Estamos cansados...

Em contrapartida, aceitamos visitas!

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Com papas e bolos...

por Ni, em 12.01.15

Não consigo precisar em que altura conquistei a fama de boa pasteleira, mas penso sempre que isso se deve  a uma conjugação de factos mais ou menos coincidentes: o facto de os meus filhos passarem a ser exigentes nos gostos, o facto de a maior parte das mulheres da minha vida não serem grandes ases no que diz respeito a bolos e sobremesas que vão para lá do junte tudo, mexa e leve ao forno, e que julgam que bater as claras em castelo é tarefa para ser executada num castelo, o facto de ter pago 40 euros pelo último bolo de aniversário que mandei fazer (há 5 anos atrás)...

Não sei se é a prática que me fez a fama, ou a fama que me aguça a vontade de fazer melhor, mas faço aos bolos e sobremesas para os aniversários com a mesma entrega e empenho que dedicaria a uma obra de arte.

 

Não sei nada de pastelaria,nem tenho curso ou workshops, mas gosto muito de comer, e isso, parecendo que não, deve ser importante .

IMG_4341.JPG

Este foi o que fiz o ano passado. Não deve ser muito diferente, o dos nove anos, mas já vai ter alguns requintes de uma princesa que se diz pré-adolescente e de uma mãe que se diz pasteleira-amadora...

 

IMG_4317.JPG

A receita é uma mistura de várias :

3 massas folhadas retangulares (3, caso se queira fazer o entrançado; 2 se se pretender um efeito liso; 1 se se quiser decorar o bolo por cima com massa de moldar, fondant...)

200g de açúcar;

6 ovos;

raspa e sumo de meio limão;

125g de farinha;

45g de farinha maizena;

1colher de chá de fermento em pó;

açúcar em pó q.b.

Creme pasteleiro: 

7,5 dl de leite;

3 ovos;

100g de açúcar,

60g de farinha;

casca de limão.

 

Levar as massas folhadas ao forno em tabuleiros separados a 200º até estarem douradas, retirar e reservar. (Se se pretende fazer o entrançado, temos de cortar uma das placas de massa folhada em tiras verticais e outra em tiras horizontais e, de seguida, fazer um entrançado, como uma teia - uma vez por cima, outra por baixo, uma por cima, outra por baixo...- antes de levar ao forno). 

Untar um tabuleiro retangular e polvilhar com farinha.

Separar as gemas das claras e bater estas últimas em castelo. Noutro recipiente bater o açúcar com as gemas, a raspa e o sumo de limão, acrescentar as farinhas, alternadas com as claras. Deitar no tabuleiro e levar ao forno 15/20 minutos.

Entretanto prepara-se o creme pasteleiro: mistura-se todos os ingredientes e leva-se num tacho ao lume, mexendo sempre para não queimar, até levantar fervura.

Montagem: dispor alternadamente uma camada de massa folhada, creme e bolo (que podemos partir no sentido longitudinal ou não), conforme a imaginação...

Ah! Por fim, pode-se polvilhar com açúcar em pó e decorar, ou não...

 

Coisas que eu fui aprendendo: Se se polvilhar a massa folhada com um pouco de açúcar mascadavado, ficamos com um bolo mais docinho; os ovos, já todos sabem, mas nunca é demais lembrar, devem sempre ser separados num recipiente à parte, antes de os juntar; e as farinhas devem ser peneiradas para não haver grumos. 

...aqui, deste lado da montanha.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Cabeleireiro caseiro

por Ni, em 02.04.13

Estou a pintar o cabelo em casa. Outra vez. Não é novidade, mas já há algum tempo que não o fazia...

Faz parte do meu plano de poupança para poder continuar a passear e experimentar hotéis novos. Depois da roupa e calçado reciclados, ou reutilizados, da esteticista (só não abdico da depilação nas virilhas {#emotions_dlg.cry}), segue-se o cabeleireiro. 

 Bem, lá vou eu tirar "esta coisa". Ainda bem que não tenho ninguém em casa...

 

 Ah! Estou a usar um creme de coloração novo e adoro as luvas pretas. Como é que ainda não tinham pensado nisso antes?

 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D


Posts mais comentados