Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O outro lado da verdade

por Ni, em 17.07.12

Fui à praia com os meus filhos. A primeira vez este ano... Agradecidos, não pararam de me mimar. És tão querida, mamã! És tão linda, mamã! A tua pele é tão macia, mamã! Parece mesmo que tens um bebé na barriga, mamã! {#emotions_dlg.barf} 

 

A dureza da sinceridade infantil no seu melhor. E andava eu preocupada com a celulite... 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quase dois meses passados, posso apresentar os resultados da minha experiência. Para que todos saibam: os cremes para a celulite, quando utilizados duas vezes por mês, e mantidos imobilizados em cativeiro no armário da casa de banho, têm uma eficácia de 0%.

 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ainda a propósito de guerras, penso que deve ter sido mais ou menos assim: andava a Eva toda feliz, acabadinha de ser expulsa do paraiso, a aproveitar as coisas boas que podia fazer com o Adão, agora que já se podiam portar mal, quando, de repente, ao trocar de folha, reparou que a pele lisinha de menina inocente tinha passado a granulada de casca de laranja. Ainda deve ter pensado ser consequência do excesso de sexo a que o Adão a submetia, depois de serem enganados pela serpente, mas experimentadas todas as posições pré-históricas, logo percebeu que já o Adão só tinha olhos para as outras miúdas que nunca tinham estado no Eden e que sabiam muito mais da vida, e que a pele às ondas não tinha maneira de desaparecer. Uma treta!

 

 

deve ter sido mais ou menos nessa altura que ela se cruzou outra vez com a serpente e lhe perguntou «ó serpente, por que é que me fizeste uma coisa destas?» e a serpente «porque tinha de te expulsar do éden» e ela «quero lá saber do éden! estou a falar é disto que tenho aqui nas ancas...» e a serpente logo a responder »ah! isso é celulite, é para acrescentar às dores de parto, porque um mal nunca vem só! toma lá esta coisa chamada roupa que é para esconderes as pernas, de inverno. No verão, tens de ser criativa...»

 

Andamos, pois, nós, há séculos a pagar as asneiras da Eva e a sermos criativas quando chega o verão. As mais ricas estão safas, uns tratamentos e lá resolvem o problema até ao próximo verão. Já eu, é mais cremes. Baratos e rápidos. Nem sempre eficazes. Agora já há três anos que usava este, e gostava, relação qualidade-preço, entenda-se. Este ano, eles inovaram,  criaram este, e eu fui atrás. Não gosto. Espesso demais, o doseador não é prático e levo mais de um minuto a espalhá-lo. Assim sendo, aceito sugestões...

 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Estranha_mente feminina III

por Ni, em 03.06.12

  

 

Não tenho as pernas finas. Nunca terei as pernas finas. Não gosto das minhas pernas. São iguais às da minha mãe. São iguais às da minha avó. Pernas de lavradoras grosseiras que amam sentir a terra solta debaixo dos pés. Habituei-me às minhas pernas e, às vezes, suporto-as e admito-as escondidas sob os trapos que as tapam. Raramente gosto de as ver espreitar por debaixo de uma saia. Hoje não. Hoje é tempo de combate, de não gostar.

 

Daqui a dois meses não é a terra que quero sentir debaixo dos pés, mas antes a areia quente da praia e aí não vou ter como esconder as minhas pernas que não são nem nunca serão finas. Mas poderão ser lisas e firmes a fazer inveja às de uma qualquer miss hot legs. 

 

Guerra declarada à celulite, comprometo-me a beber 2 litros de água por dia, fazer dez minutos de exercícios diários às pernas, pôr um creme... ah! Esperem lá, creme só se for muito, muito barato, que a crise não está para guerras, e só se for para aplicar uma vez por dia, num minuto, que há dias em que pôr creme uma vez já são muitas vezes.

 

E comprometo-me a deixar de beber caipirinhas...

 

 

...pronto, deixar de beber caipirinhas, talvez não... mas não custa a gente dizer que sim, para enganar o adversário. Também se pode fazer um pouco de bluff, não é??!

 

 

 

...aqui, deste lado da montanha.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D