Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Para o meu amor mais pequenino

por Ni, em 18.05.09

Meu amor, já há muito tempo devia ter escrito este texto, mas, se calhar, tenho andado todos os dias à espera de chegar ao outro lado da montanha. És um tesouro pequenino (tens agora 15 semanas dentro da minha barriga), mas muito, muito precioso.

A tua madrinha Márcia, dominada pelo síndroma de irmã mais nova, diria que não te escrevi antes porque és o segundo filho... Talvez. Talvez a tua mana me (te?) roube um pouco do tempo que tenho para as palavras. E depois? Que importa? Se esse tempo é dividido em mimos e palavras de amor por ti, que importa que não apareça em palavras? És muito desejado. Mas ao meu desejo e ao do teu papá, juntou-se o da tua mana, que acordava de noite a gritar que queria um mano, que não tinha ninguém e, por isso, QUERO UM MANO!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D