Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O outro lado da morte

por Ni, em 24.02.10

 Tenho sempre muita dificuldade em ir a funerais. Talvez toda a gente tenha, mas o meu lado anti-social revela-se sempre um pouco mais nestas "manifestações colectivas". Penso que um funeral devia ser algo íntimo, mas não é e, às vezes, nós que quisemos tanto aquela pessoa nem temos tempo para a chorar. 

 

Compreendo que um funeral é um momento de dor e que, por vezes, as pessoas vão a um funeral por solidariedade com a dor de outra pessoa. E é bom, muito bom, sentir o apoio desses amigos.

 

Não compreendo que pessoas que nunca quiseram saber se alguém está bem de saúde, se tem o que comer, se tem o que vestir, se é feliz, apareçam, no dia do seu funeral, a chorar a sua morte, preocupados, apenas, com a sua própria pseudo-dor. Choram, não lágrimas do coração, mas apenas lágrimas de intenção. São as chamadas más intenções...

 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D