Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





A prenda de anos

por Ni, em 01.11.09

 Tudo começou muito antes da data do meu aniversário. Desta vez o meu maridinho decidiu que não ia deixar para o último momento a compra da minha prenda de anos e em Agosto, quando ouvi anunciar que a Diana Krall vinha a Portugal e comentei que adoraria ir, ele resolveu comprar os bilhetes em segredo. O tempo foi passando e a barriga/incómodo/mau-estar foi crescendo, de tal modo que no início de Outubro ele olhou para mim (cheia de hemorróides, deitada no sofá) e disse-me:

- Acho que vou ter de trocar a tua prenda de anos...

(Vende os bilhetes)

 

No meu dia de anos, com aquele humor desgraçado que me atacou, recebo um grande caixa com... uma máquina de café . As cores não correspondiam às escolhidas (tinha sido comprada pela internet) e, resultado disso, tinha agora na minha cozinha uma máquina que, em vez de ser metalizada e preta, era metalizada e... amarela. Bem, tentemos pelo menos o café. Sabe a... carioca de café. Mais uma experiência e... café queimado. Mais uma experiência e...água de lavar as chávenas. Agora com mais café... Agora com menos café... Agora com pastilhas...

Finalmente, lá decido e faço eu um café que lhe levo ao escritório. Ele prova, ri-se e comenta "Ah, que espectáculo, até que enfim que conseguimos um bom café. Como é que fizeste?"

E eu: "Na máquina velha..."

E ele:

- Acho que vou ter de trocar a tua prenda de anos...

(Tenta que lhe devolvam o dinheiro da máquina)

 

Comento com ele que já escolhi o relógio que quero, mas ele tem de ir comigo para me ajudar a escolher, para dar a opinião dele. Hoje não pode, amanhã não pode, depois também não. Os dias passam.

Uma noite, entre os lençóis, uma caixa com um GUESS espectacular que eu tinha escolhido. Lindo! Um relógio. Ponho o relógio, mas é tão pesado, é tão...relógio. No dia seguinte, digo-lhe, com a minha cara de comprometida:

- Acho que não me sinto muito bem com o relógio ...  Parece que me incomoda...

- Mas foste tu que o escolheste...

- Pois, mas...

- Então, vai lá e troca o relógio

- Vem comigo, para me ajudares a escolher.

- Para quê? Vais sempre achar que devias ter feito o contrário do que fizeres.

 

Troquei o relógio por aquelas duas belezas que estão no post anterior, mas, confesso, é difícil ser casado com uma balança. 

Sim, amor, é difícil comprares-me prendas...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D