Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





toda a gente tem uma aldeia

por Ni, em 01.05.13

Quão estranha pode ser uma vida? O tempo de perceber que uma tarde boa pode ser uma tarde estranha em que apoias um candidato a presidente da câmara que quase não conheces, de uma câmara que quase não conheces, de um partido político que quase não conheces. O tempo de perceber que uma tarde boa pode ser uma tarde estranha em que vais festejar o aniversário de um coreto que quase não conheces, duma aldeia que quase não conheces, e ouves a escola de música e a filarmónica e associação e comes uma bifana e bolos e, se não soubesses, dirias que cresceste por aqui e és da terra.

 

...aqui, deste lado da montanha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D