Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Os meus dois, vá lá três, leitores, devem lembrar-se da minha paixão por suculentas, resilientes e fortes, que são mais do que aprentam, proporcional ao desinteresse por flores, fugazes e efémeras, que, na verdade, só aprentam ser lindas, mas que nos desiludem assim que deixam de ser o centro das atenções. E sim, ainda estou a falar de flores e catos... 

Mas a dúvida começa a assaltar-me ,e a vontade (necessidade?)leva-me a pensar que talvez... com jeitinho.

Ou isso ou a realidade de me deparar com a necessidade de levar flores para enfeitar uma campa de alguém que não gostava de catos. E reparem que, se soubesse que ela gostava de catos não teria nenhum problema em lá colocar uns catos. Durante anos, deixei na campa da tia um vaso com um cato ( que alguém roubou, do cemitério!!, mas isso são histórias para outros posts), mas eu sabia que a tia adorava catos...

Preciso de flores no meu jardim! Vai daí, toca a pesquisar ,que as flores são exigentes: é preciso planear, ver da terra, e da rega, e do sol, e do vento e das que são de inverno, e das que são do verão... nada que se compare a um pedaço de folha atirada sobre uma pedra, onde caem uns salpicos do lava-mãos de vez em quando... e donde resultam milagres de sobrevivência.

Portanto, depois de exaustiva análise e estudo, já tenho com que me entreter.

Para já, cabe-me a tarefa de distinguir estas duas ou três, que parece que se me apressar ainda vou a tempo de as plantar.

As alegrias-da-casa (que nome mais catita! )

alegria do lar.jpg

 

os ciclamens (homens que andam de bicicleta?)

CICLAMEN-4.jpg

 

as frésias

FRESIAS-2.jpg

 

os narcisos (não os são todas as flores?)

NARCISO-4.jpg

 

e as túlipas (num arranjo TÃO original!)

TULIP-17.jpg

 Portanto, que elas me parecem iguais, parecem, mas que são diferentes, são.

Árduo caminho pela frente...

 

As imagens foram todas retiradas deste blog ótimo para quem quer aprender a distinguir flores.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D





Do outro lado